No Nordeste, usuário não paga conta na “boca” e é espancado por membros do Comando do Boqueirão



Mais um ato de selvageria e covardia protagonizado pelos traficantes do Comando do Boqueirão, grupo criminoso subordinado a facção Comando da Paz (CP), chocou os moradores do Nordeste de Amaralina. Em um vídeo gravado pelos próprios marginais e compartilhado nas redes sociais nesta quinta-feira (14/02), um usuário de drogas é espancado com um barrote de madeira.
De acordo com a fonte do Informe Baiano, o “corretivo” ocorreu porque a vítima não pagou a conta na boca de fumo. Em meio a sessão de espancamento, uma senhora aparece na janela de casa e pede “misericórdia”.
“Pelo amor de Deus parem com isso”, implora a mulher, que não é atendida pelo criminoso identificado pelo apelido de “Gordo”. Nas imagens, é possível ver ainda que enquanto o marginal ataca com pauladas, um comparsa aponta uma pistola para a vítima.
Ainda de acordo com a fonte do IB, desde a morte do traficante ‘Elias Pinto’, o comércio de entorpecentes na região é comandado por um bandido de apelido “Pai”, que é “muito mais cruel do que Pinto e está aterrorizando a população”.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.