Postagens
recent

Ambulância atola na estrada e grávida perde gêmeos no interior do Maranhão



Na tarde desta quinta-feira (4), uma grávida de cinco meses perdeu os bebês gêmeos após a ambulância em que estava atolar e dificultar o atendimento médico em Conceição do Lago-Açu, a 160 km de São Luís.
Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a grávida se chamava Adriana. Ela teria se assustado após a queda de um ventilador e começou a sentir fortes dores. Ela procurou a Unidade Básica de Saúde do povoado Olho d’Agua da Lapela, onde foi encaminhada ao hospital municipal de Conceição do Lago Açu.


A Secretaria de Saúde diz que uma ambulância da região buscou a paciente em casa e a levaria até certo ponto, onde a estrada é quase intrafegável, para que ela fosse colocada em outra ambulância de grande porte do hospital municipal que estaria à sua espera.

Porém, a ambulância do povoado Olho D’água da Lapela atolou na estrada que liga o povoado a Conceição do Lago-Açu. A Secretaria informou que Adriana foi retirada por profissionais da saúde e populares, com a intenção de levá-la até a outra ambulância, mas ela acabou dando à luz aos gêmeos, que acabaram nascendo sem vida.


Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Conceição do Lago Açu lamentou o ocorrido do parto, chamou a perda dos bebes gêmeos de fatalidade e disse que Adriana está tendo todo o cuidado médico necessário.

"Todo o transporte foi feito em ambulância oficial, acompanhada por profissional de saúde e familiar da paciente, bem como toda a história clínica devidamente documentada. Assim, vale salientar que a Secretaria Municipal de Saúde providenciou tudo que era possível naquela situação, porém como em todos os casos, não por culpa da estrada que está, sim, em situação difícil, mais devido a gestante está apenas com apenas 5 meses de grávida, as crianças não resistiram. Por fim, a Secretaria Municipal de Saúde a Direção do Hospital informa que a Sra. Adriana está recebendo todo cuidado médico necessário, e que a família está recebendo todo suporte para o momento", diz a nota. (G1 São Luis)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.